Trilhemos o caminho do bem – 17/10/18

0
350

Jesus deseja que toda pessoa trilhe o caminho do bem, da harmonia e da paz. Que ninguém tenha atitudes de injustiça e pecado que ferem sem piedade seu semelhante. Deseja que toda pessoa movimente o amor em sua vida, pois o amor cura, devolve a dignidade e tem o dom de salvar.

No evangelho de hoje Jesus interpela com severidade aos fariseus e mestres da lei denunciando toda postura que não corresponde á vontade de Deus. Mostrando que Deus não nos criou para o egoísmo, mas para a partilha daquilo que somos. Deus não nos criou para a solidão, mas para a comunhão.

O “Ai de vós fariseus e mestres da lei” precisa ser entendido como mensagem de amor vinda do céu. É ensinamento de quem ama, cuida e não quer perder os que lhe foram confiados.

 O “Ai de vós” é amor dedicado ao povo, pois o protege do explorador. Jesus mostra que nos momentos de provação do ser humano ele não se esconde, mas desce e participa sendo solidário com os que sofrem.

O “Ai de vós” também é amor dedicado aos fariseus e mestres da lei, pois com essa exortação Jesus coloca balizamento, disciplina como sinal que a prática de vida precisa ser plena.

Admoestações duras e severas, mas não condenatórias. O objetivo de Jesus é levá-los, diz São Cirilo de Alexandria, “a prática de julgar, reta e impecavelmente, seus semelhantes sem jamais abandonar a misericórdia e a sinceridade”.

Que o evangelho de hoje nos inspire a praticar o bem e a justiça sempre. Assim seja.  Amém.

 

Missionário Redentorista, Padre Celso Vieira da Cruz.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui