Pensamento – 19/08/2020

0
21

A parábola do servo impiedoso e do patrão misericordioso ensina que nossas relações com Deus não podem ser expressas em termos de justiça, mas são medidas unicamente pela graça. Não podem ser reduzidas a medidas de haver e dever, de trabalho e justo salário. Jesus Cristo surpreende a todos com este ensinamento extraordinário, o que dita as leis é a misericórdia divina que alcança a todos, ela é gratuita, dom, por isso é graça!

Nesta parábola Jesus fala de gratuidade, de uma misericórdia que não deve ser merecida, mas acolhida com alegria como dom e como amor derramado sobre todos nós, todos irmãos e irmãs, todos filhos e filhas amados por Deus. Diante desse amor, não há privilégios para se orgulhar!

Que a misericórdia infinita do Senhor, que nos é dada de modo totalmente gratuito seja compartilhada entre nós à luz da fé sob a proteção divina e a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para nos livrar do pecado da inveja e do ciúmes que prejudica a convivência com os outros.

Mãe do Perpétuo Socorro, rogai por nós!

Missionário Redentorista padre Sérgio Lima

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui