Não leveis nada para o caminho – 25/09/2019

0
41

Queridos devotos, estamos encerrando o mês de setembro, mês dedicado à Palavra de Deus que ilumina nossa caminhada como cristãos. Hoje a liturgia coloca para nossa meditação o evangelho de (Lucas 9, 1­-6); nesse evangelho ouvimos Jesus convocando os doze discípulos para a missão. Doze significa entre outras coisas: perfeição, totalidade, universalidade, e entre esses doze estamos também nós,  o próprio Jesus nos chama e nos prepara para a missão. 

Para essa missão, é preciso despojamento e isto está bem claro para os discípulos nesse evangelho,  Jesus pede para que os discípulos não levassem nada pelo caminho: nem bastão, nem sacola, nem pão, nem dinheiro nem duas túnicas, ou seja, despojamento total. Para sermos discípulos e missionários  e seguirmos Jesus verdadeiramente, é preciso um esvaziamento de nós mesmos: tomar a nossa cruz todos os dias e seguir o mestre.

Nossa missão de todos os dias é, portanto, fazer o bem. Por isso, o próprio Jesus nos resgata do nosso pecado e de qualquer outra situação de opressão, e nos envia em missão. Somente quem faz sua experiência diária com Jesus, se coloca a disposição para ser também libertador do seu irmão.

  Que o evangelho de hoje nos torne mais humanos e mais sensíveis às necessidades e sofrimentos de nossos irmãos e nos mova para algo que transforme sua vida em vida plena. Que, como discípulos e missionários de Jesus Cristo,  nos afastemos da mentira e da falsidade.  E que possamos cada dia mais viver bem como irmãos, como pessoas comprometidas com a missão, e que os ensinamentos desse evangelho nos faça mais fiéis à sua palavra e a missão confiada a nós.

Mãe do Perpetuo Socorro rogai por nos.

Missionáriop Redentorista Pe. Óliton Ferreira Gomes, C.Ss.R

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui