Jesus está conosco até o fim dos tempos – 28/11/2018

0
157

Estamos no fim do ano litúrgico, e por isso o Evangelho de Lucas propõe uma reflexão sobre o fim dos tempos. A Palavra de Deus que acabamos de ouvir deve nos fazer pensar na seriedade da vida, e não nos assustar: nosso Deus é misericordioso, cheio de amor por nós.

Quando ouvimos falar no fim dos tempos devemos ter  esperança, e saber que nós já vivemos esses tempos do fim, pois o fim do mundo, conforme diz Jesus, não tem data marcada, ninguém sabe quando acontecerá. E nós vivemos na espera do que virá, na esperança da salvação, por isso nossa vida deve ser de compromisso com os irmãos.

Por  vivermos nesses tempos do fim, devemos ter também prudência. Existe muita gente que vive fazendo revelações sobre os últimos dias, marcando datas, falando do futuro da Igreja, do próximo Papa…e o que Jesus diz sobre isso? “Cuidado para não serdes enganados, porque muitos virão em meu nome, dizendo: ‘Sou eu!’ E ainda: ‘O tempo está próximo’. Não sigais essa gente!” O Senhor nos ensina, assim, que é necessário nos preocuparmos com nossa vida presente e concreta, e buscar maneiras de contribuir para que o Reino de Deus aconteça.

Quando o Evangelho diz que teremos tribulações, alerta-nos para as dificuldades da vida. Delas não podemos fugir, mas mesmo em meio a tantas cruzes, nosso Deus não nos desampara. Por isso somos convidados a assumir nossa vida com responsabilidade, sendo suaves com as pessoas e ao mesmo tempo firmes em nossos princípios, diante das situações que impedem a presença do Reino de Deus. Agindo assim, demonstramos nossa fé e confiança de que, embora haja perseguições, Deus nos dará palavras acertadas.

Nosso Deus, que poderia ter feito tudo sozinho, preferiu contar conosco como colaboradores na construção do seu Reino. E nessa caminhada nos deu como modelo, como Intercessora, a Virgem Maria, nossa Mãe do Perpétuo Socorro. Que ela seja nossa referência para orientarmos nosso coração para o amor, e não para o egoísmo, para que sejamos dignos da promessa de Cristo: “É permanecendo firmes que ireis ganhar a vida”. Mãe do Perpétuo Socorro, Rogai por nós!

Diácono Edilson da Costa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui