Cartas de Agradecimento – 30/01/2019

0
145
  1. Senhores Missionários Redentoristas e queridos devotos:

Em agosto de 2017, o meu pai com 57 anos descobriu um tumor maligno na cabeça, advindo de um câncer de pele que já havia se alastrado, além do cérebro para o pulmão e intestino, deixando-o cada vez mais debilitado. Ele começou a frequentar o Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro ainda jovem, e a família, inspirada nesse exemplo de devoção e fé, acompanha as novenas todas as quartas-feiras há pelo menos dez anos.

 Nesse momento de dificuldade nos aproximamos ainda mais da Mãe do Perpétuo Socorro, em pedidos de oração para que intercedesse por um milagre junto ao Seu Filho, pois a medicina reconhecia que o tratamento oferecido ao meu pai era limitado. Em outubro viemos a uma Missa do Santíssimo e, suplicando diretamente ao Filho, entregamos a vida de nosso pai. No dia seguinte, visitei-o no hospital e dei a ele a água que havia sido abençoada na missa do dia anterior. Ele chorou muito olhando fixamente para o alto. Dois dias depois o meu pai faleceu. Agradecemos imensamente a Mãe do Perpétuo Socorro por ser consolo em cada dia de aflição e por ter nos dado um pai que nos deixou como maior ensinamento o caminho da fé.

Uma devota eternamente agradecida.

________________________________________________________________________ 

  1. Senhores Missionários Redentoristas e queridos devotos:

Venho, por meio desta carta, estender a minha imensa gratidão pela graça recebida por intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Em fevereiro do ano passado, eu descobri que estava com câncer nas parótidas. O tumor era benigno, porém grande, então eu precisaria ser submetida a uma cirurgia correndo o risco de uma paralisia facial. Iniciei o tratamento e também uma série de novenas pedindo a intercessão de Nossa Senhora para que eu ficasse curada e sem sequelas. O meu pedido foi atendido, fiz a cirurgia e foi um sucesso, graças a Nossa Mãe do Perpétuo Socorro.

Uma devota eternamente agradecida.

________________________________________________________________________ 

  1. Senhores Missionários Redentoristas e queridos devotos:

Eu sou devota de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro desde o ano de 1997 e frequento as novenas todas as quartas-feiras. Em 2014 o meu filho foi dispensado do trabalho. Passou por momentos difíceis, pois além da prestação da casa tinha também outros compromissos financeiros. Eu recorri a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e, antes mesmo de concluir a série de novenas, ele foi chamado para retornar à mesma empresa, onde continuou trabalhando por mais três anos, quando tiveram que fechá-la devido à crise.

Apesar de estar novamente desempregado e com uma família para sustentar, nós não perdemos a fé, e em fevereiro de 2018 ele conseguiu uma nova recolocação no mercado de trabalho, com a ajuda de Deus e a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Uma devota eternamente agradecida

________________________________________________________________________ 

  1. Senhores Missionários Redentoristas e queridos devotos:

Em 2015 a minha avó teve uma queda e devido a isso também uma piora muito rápida e inesperada de sua saúde. Eu, como devota de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, pedi com muita fé, pela restauração de sua saúde. Após muitos dias de UTI e sem consciência, a minha avó, gradativamente foi reagindo e seus órgãos voltaram a funcionar.  Ela está se recuperando a cada dia e continua dando testemunho do amor e das bênçãos recebidas de Nossa Senhora e de Seu filho Jesus. Nossa Senhora nos dá esperança e amparo nos momentos mais difíceis da nossa vida.

Uma devota eternamente agradecida.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui