A ajuda ao próximo na ação social

0
183

Responsável por atuar no planejamento, gestão e execução de políticas sempre voltadas ao direito do cidadão, o assistente social é um profissional indispensável dentro da Igreja Católica. Afinal, a própria Palavra de Deus nos exorta que “a fé, sem as obras, está morta em si mesma” (Tg 2,17).

Aqui no Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, além da devoção das novenas e de toda a parte religiosa, a ação social pode ser destacada como um ponto forte. Hoje, este trabalho está sob a responsabilidade de Maria Helena Witkowski Marafigo (60), assistente social no Santuário desde 2014.

Assistente Social Maria Helena Witkowski Marafigo, funcionária desde 2014.

A menina que sonhava em ser advogada acabou cursando sua segunda opção no vestibular – o Serviço Social – e afirma: “Não poderia ter escolhido outra profissão”. Ela complementa: “Minha vontade sempre foi ajudar as pessoas, e não imaginava o quão útil eu poderia ser como assistente social. Logo no começo do curso, comecei a fazer estágio em hospitais e me apaixonei”.

Hoje Maria Helena trabalha com assistência a dependentes químicos, idosos, moradores de rua, famílias em situação vulnerável, desempregados, além de campanhas em datas festivas (Páscoa e Natal) e elaboração e encaminhamento de projetos para a Mitra da Arquidiocese de Curitiba e para o Tribunal de Justiça do Paraná.

“Nosso objetivo é atender para melhorar a qualidade de vida das pessoas. Por isso, sempre tentamos ir além do atendimento inicial”, explica. Ela conta que o trabalho tenta abranger toda a família, e não somente suprir as necessidades básicas.

Os atendimentos são realizados no Centro Redentorista Santo Afonso (localizado a poucos metros do Santuário), onde funcionam cursos de capacitação, atendimento gratuito de psicologia e assistência jurídica, distribuição de cestas básicas para famílias cadastradas, entre outras atividades pastorais.

“Muitas vezes deixei minha família de lado para ajudar os mais necessitados, mas sou grata porque eles sempre souberam compreender o meu amor pela profissão”, finaliza Maria Helena. Neste dia 15 de maio, no qual se comemora o Dia do(a) Assistente Social, somos gratos pelo trabalho desempenhado por esta profissional, em nossa comunidade!

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário!
Por favor, indique o seu nome aqui